Salmão com molho de limão


Ingredientes:
5 filés (200 g cada um) de salmão
Suco de 1 limão
2 dentes de alho amassados
2 colheres (sopa) de cebola ralada
Sal
3 colheres (sopa) de azeite de oliva
1 kg de batata
1 colher (sopa) de manteiga
Azeite de oliva para regar

Para o molho:
2 caixinhas de creme de leite (400 ml)
1 colher (chá) de sal
Suco e raspas de 1 limão

Modo de preparo:
Tempere o salmão com o suco de limão, o alho, a cebola, 1 colher (sobremesa) de sal e o azeite. Coloque num recipiente fechado e deixe marinar por 1 hora, na geladeira. Enquanto isso, descasque as batatas e cozinhe em água e sal, escorra e corte em cubos. Unte um refratário, espalhe a batata e, sobre ela, arrume os filés de salmão. Coloque 1 colher (café) de manteiga sobre cada filé e regue com um pouco de azeite. Cubra com papel-alumínio e leve ao forno médio (180°C) por cerca de 25 minutos.

Molho:
Leve o creme de leite ao fogo baixo e deixe ferver por 8 minutos. Acrescente o sal e a manteiga e espere derreter. Junte o suco de limão e retire do fogo. Cubra o salmão com o molho e decore com as raspas de limão.


Fonte: www.portaldepaulinia.com.br


Tags: Receita, peixe, salmão, molho, limão.

Peixe Papagaio

Peixe Papagaio

Família: Cichlidae

Temperatura: 24 - 28 ºC
PH: 6,5 - 7,5
Dureza: em torno de 12 dGH

Tamanho: 25 cm
Sociabilidade: Territorial e agressivo.
Zona do aquário: Meio
Aquário: 200 litros

Manutenção: Média

Alimentação: Onívoro. Ração e alimentos vivos em geral.

Características: O papagaio é um peixe desenvolvido pelo homem para o aquarismo a partir do cruzamento de ciclídeos americanos. O peixe papagaio não existe na natureza e chega a viver 10 anos.  Suas principais características são a curiosidade e a capacidade de redecorar o aquário conforme sua vontade. Sua coloração geralmente varia entre o amarelo e o vermelho. Devido ao hibridismo, ele tem deformidades físicas que podem ser facilmente verificadas em suas nadadeiras e espinha. Adequado para aquários com ciclídeos do mesmo porte, a presença de tocas é desejável.

Reprodução: Somente possível em condições muito especiais por se tratarem de peixes híbridos.

Tags: Peixe, aquário, água doce, ciclideo, papagaio, híbrido.

Contra-se: Assistente Pedagógico em Foz do Iguaçu



Emprego em Foz do Iguaçu/PR

Vaga: Assistente Pedagógica 

Escolaridade: 
Preferencialmente Superior completo.

Experiência exigida: 
Experiência na área escolar pedagógica.

Cursos:
 
Pedagogia ou Licenciatura.

Faixa etária: 
Indiferente

Sexo: 
Indiferente                                                   

Atividades desenvolvidas:
·        Atendimento telefônico;
·        Atendimento presencial a alunos;
·        Aplicação e correção de provas;
·        Recebimento, organização e guardo de documentos;

Habilidades e competências pessoais:
Excelente apresentação pessoal, organizado, simpático, paciente e atencioso.

Benefícios: VR, VT, Uniforme, Seguro de vida e Férias coletivas.

Salário: 
Inicial R$ 1.000,00 
após três meses R$ 1.263,00 - Superior Completo.

Horário de Trabalho: 
De Segunda a Sexta 08:00 às 18:00 horas
Intervalo de almoço do 12:00 as 13:12 horas.

Inscrições do dia 07/04/2015 à  09/04/2015.

Encaminhar Curriculum para: 
relacionamento@negocios-sc.com.br

Pirarucu de casaca



Ingredientes:
1 quilo de pirarucu seco
1 quilo de farinha de mandioca tipo uarini (no rio é conhecida como farinha d’água; se não achar, pode ser retirada da receita)
2 vidros de leite de coco pequenos
6 ovos cozidos
200 gramas de azeitonas
700 gramas de ervilhas
2 bananas da terra fritas em rodela

Molho:
4 tomates
2 cebolas
1 porção de cheiro verde
2 colheres de chá de sal
2 colheres de chá de coloral
1 copo de água
1 xícara de azeite de oliva

Modo de Preparo:
Frite o peixe e depois desfie. A farinha deve ser misturada ao leite de coco, com cuidado para não ficar nem muito seca nem muito molhada. Para o molho, separe uma frigideira grande e ponha o azeite de oliva. Depois de quente, despeje as cebolas e deixe dourar com colorau. Em seguida acrescente o tomate. Refogue com água e sal a gosto. No final, ponha o cheiro verde. Ingredientes preparados, é hora do grande segredo do prato a arrumação. Os ingredientes são colocados em camadas, um a um. Primeiro o molho, depois a farinha, depois o pirarucu, a banana, e assim por diante. Depois das camadas prontas, leve ao forno por 20 minutos. Aí é só enfeitar e servir. O pirarucu pode ser substituído pelo bacalhau, pescada ou peixe pedra, todos salgados.


Fonte: http://sitedanoticia.com


Tags: Receita, típica, Amazonas, peixe, pirarucu, casaca.

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites